Tuesday, July 29, 2014

os meus discos (1979 - 2014)



          2014

                                                                     colectânea 2011

2007 (ao vivo)
1993 (ao vivo)

1992

1989

1987

1986

1984

1983 single

1982 single

1982

out 1981

maio 1981

1980

1979
1979 single

16 comments:

Jorge said...

Excelente discografia. E como faço para a obter? Nos "locais habituais" não encontro os cds...

Alf said...

Tenho-os todos.
Sou + interessado/estudioso do q coleccionador.
Conservo um single promocional com «Tu aqui» e no lado B 'Tu aqui (instrumental)'.
Fora esse, claro q há + singles... advindos dos LPs.

Acho q devias abrir um post com todas as colaborações; isso tem grd interesse pra quem pesquisa.

Bjiñ, admiração,

semlinhas said...

Lena ,acabei de te ver no MVM. Continuas linda e louca como eu gosto. És especial. Beiju.PT

semlinhascruzadas said...

Sê feliz miúda!

Alexandre Kulcinskaia said...

Gostava era de encontrar o vídeo da "Dou-te um Doce".
Leva-me de volta à minha infância.

Rui Clemente said...

Já lá vão 2 meses, mas nunca é tarde para divulgar este grande gesto.

Aqui vai o texto que escrevi para o meu blogue de música, Casa Bateria e Baixo.

http://blogcasabateriaebaixo.blogspot.com/2011/09/lena-dagua-se-maome-nao-vai-montanha_20.html

Obrigado, Lena!

R said...

Olá Lena, espero que este e-mail seja o seu. Gostei muito da sua iniciativa de disponibilizar suas músicas na Internet. No dia 06 de Outubro acontece uma conferência sobre estas iniciativas e todos pensamos que era muito bom se você pudesse estar por lá para participar e as pessoas conhecerem os motivos que levaram você a partilhar todas as suas músicas. Será a partir das 10hs até as 19hs, no Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa.

Um abraço e obrigado.
Rodrigo Saturnino

qim said...

Disco da "Missão Sorriso" (3€ no continente) inclui uma versão "Ou Isto Ou Aquilo" pelos Clã.

Joao A. said...

Cara Lena

Sou da colheita de 1964 e a minha praia sempre foi o jazz, pelo que o chamado rock português sempre me passou ao lado.

Contudo hoje, Domingo, tinha a rádio da minha sala sintonizada na Antena 1 e ouvi uma música que me chamou a atenção. Fresca, com uma alegria irreprimível, até transformou o dia de Inverno em Verão. Puxo do iphone, lanço o Shazam, aponto para a coluna de som, aguardo o diagnóstico e... bam!! Perto de Ti, by Lena de Água. Ainda carreguei no botão para comprar no iTunes, but no luck :-(

Eis então que resolvo ir procurar à Internet e chego ao teu blog, ao teu canal do youtube, e ao manancial de informação que aqui reuniste, muito apropriadamente subtitulado, "Para Memória Futura". Uma artista que tem toda esta informação meticulosamente organizada? Completamente anti estereotipo dos artistas desorganizados! Só isso merece aplauso :-)

Ao ver todas as fotos, capas de disco, videoclips voltei por momentos aos anos 1980 e à minha adolescência. E concluí que foste provavelmente a mais bonita das cantoras portuguesas dos últimos quarenta anos. Até hoje. Ali, nos anos 80, em clips de baixo orçamento, sem precisares de grandes produções, metes todas as concorrentes num chinelo!

Hoje em dia estamos a reviver um bocado esses tempos, todos esses sons estão novamente na moda. O País do século XXI redescobriu, por exemplo, as Doce. Concordo que elas são uma pérola desses tempos. Mas se as Doce são uma pérola, tu és o diamante Cullinan. De caras!!

Fico também contente por saber que te tens virado para o Jazz. Ficas tu a ganhar e fica o jazz a ganhar!

A tua canção já está no iPhone e vai fazer-me companhia nos próximos tempos.

Beijos e felicidades!

João

Helena said...

João,
as doce nunca fizeram concertos com músicos, eram um grupo de raparigas a fazer playback de coisas do tozé brito :) e cheias de produção, claro. era só produção =;)

ainda bem que descobriste o perto de ti, é uma grande canção, sim :)
abraço

Anonymous said...

Excelente concerto o de ontem à noite no Teatro do Bairro, obrigado Lena! Uma bela abertura com bons guitarristas de gerações diferentes a marcar o tom do que viria a ser um surpreendente concerto de rock. E depois, uma elegante Lena com a mesma voz e a mesma simplicidade de quem está entre amigos (e estava, conhecidos ou não) a presentear-nos com músicas que não ouvia desde que deixei de ter gira-discos. E as letras estavam cá todas, adormecidas, mas na ponta da língua como se tivesse sido ontem. O Filipe Mendes e a sua guitarra... divinal, a assumir por vezes o cansaço de quem já leva muitos anos daquilo, mas logo a esquecê-lo para entrar em solos estrondosos e cheios de garra. A cumplicidade de todos os músicos estava latente no visível gozo de estarem ali juntos a fazer bom rock. Parabéns a todos e muito obrigado Lena por me teres recebido nos bastidores e autografado o belíssimo "Sempre ao vivo no Hot Club". Sei que já não tenho idade para cenas de fã, mas naquelas horas fizeste-me voltar atrás no tempo. Continuação de boa música e até Sempre! - Luís Bombas, Sesimbra

Pedro Lourenço said...

Bom dia! Procuro há muito tempo o álbum "Lusitânia" que infelizmente nunca consegui encontrar! Será que alguém tem essa relíquia e poderia disponibilizar em MP3? Muito obrigado!

Helena Maria said...

Pedro Lourenço, o álbum está aqui no blogue, mas faltam algumas músicas ainda...

abraço

Anonymous said...

Helena,
Ouvi muitos destes exitos na época (colheita 58).
Já q os "amiguinhos" não se dignam editar em CD esses albuns, aqui fica o muito obg pela disponibilização do material possivel.
"Dou-te um doce" "Demagogia" "No fundo ..." "Sempre que..." "Estou Além" e "Estou Contigo" já estão comigo (iPhone).
Lindíssima voz e votos q a continue a ouvir por muitos anos.
Cmpts
Manuel

leonardo said...

muito obrigado pela disponibilização destas musicas ;) sem duvida que "Aguaceiro" é o meu favorito :)

Miguel Guedes said...

Ola Lena,

Sou bastante mais novo, mas lembro-me perfeitamente de ver e ouvir os meus irmaos e irmãs completamente na sua onda. .
Agora sou eu, pois coleciono musica ha muitos anos e convido alguns "diggers" internacionais a vir tocar ca em formato listening session. Eles aproveitam sempre para calcorrear as lojas á procura de algo "exotico" O ultimo caso foi o meu amigo Chee Shimizu, uma referencia em Tokyo (www.Organic Music.jp) e se tiver oportunidade, oiça este mix maravilha., no blog- the growing bin:
http://thegrowingbin.blogspot.de/2012/12/chee-now-and-then.html

Um beijo, Perto de Ti, sempre!
Miguel